Home > NOVIDADES > 7 mensagens que você não viu na nova campanha de Avon

7 mensagens que você não viu na nova campanha de Avon

Será que você conseguiu perceber alguma? Confira todas as mensagens subliminares em #EAíTaPronta, a nova campanha da Avon!

Criado por Avon Brasil em parceria com Huffpost

Tem coisa que a gente precisa ver várias vezes até entender. A nova campanha da Avon, #EAíTaPronta, questiona com muito bom humor e beleza se é possível gerar um ambiente de união, parceria e aceitação das diferenças.

O vídeo apresenta mensagens subliminares que reforçam a importância desse momento histórico e relembram situações cotidianas que muitas mulheres já viveram.

Confira:

 

1. Uma mulher sozinha na rua, sinal de perigo?

Quantas vezes você, mulher, sentiu medo de andar sozinha na rua? E se percebesse um carro desconhecido acompanhando você? No filme, a cena representa um mundo em que as mulheres têm a liberdade de ir e vir sem medo e protegem umas as outras.

 

2. Pabllo Vittar e o táxi

Uma das grandes questões da sociedade atual é que travestis e drag queens não são bem vistos. A ideia de Pabllo Vittar andando tranquilamente nas ruas da cidade, pegando um táxi, em uma estação de metrô, é trazer esse senso de naturalidade para algo que, de fato, é natural: pessoas respeitando outras pessoas independentemente das suas escolhas ou orientação sexual e gênero nos espaços públicos.

 

3. Lugar do negro: a bandeja no restaurante

Esta cena é uma referência à própria história do coletivo de mulheres negras Estaremos Lá, que teve integrantes confundidas com funcionárias de limpeza de um shopping de São Paulo em 2016, quando tentaram ajudar uma senhora que derrubou uma bandeja. O episódio é reflexo do racismo estrutural que persiste no Brasil, já que há um “lugar de negro” no imaginário coletivo, que consiste em posições de subordinação e nunca de protagonismo na sociedade.

 

4. Looks iguais, corpos diferentes

Mulheres de corpos diferentes usando looks iguais pode ser motivo de insegurança. Isso acontece porque uma delas acredita que a outra está melhor ou mais bonita com o look. É uma separação entre as magras e as gordas, como se um lado tivesse mais liberdade para se vestir do que outro. Nós acreditamos que toda mulher é livre para definir o tipo de roupa que quer usar. O que define uma mulher não é a sua roupa, mas ela mesma!

 

5. “Liberté, egalité, lacré”

A frase que aparece no vídeo é uma referência à expressão “liberdade, igualdade e fraternidade”, lema da Revolução Francesa, que representa a luta pela democracia e um grito contra a opressão. A expressão “lacré” diz respeito à campanha de BB Cream de Color Trend lançada no ano passado, com Liniker como um dos seus destaques. O reforço é válido: além de lacrar, é mais importante você viver a sua liberdade e ser quem quiser, longe de julgamentos.

 

6. A Revista Carão

Questionar os padrões de beleza também é o objetivo da campanha. Esse mote aparece no momento em que Issa e BiVolt estão paradas em um ponto de ônibus e recebem o convite de Pabllo para caminharem juntas. BiVolt segura uma revista chamada Revista Carão, que remete à promo Segure o Carão e traz uma mulher gorda na capa. A modelo é uma forma de representar a diversidade e questionar o que é considerado bonito no mundo atual.

 

7. “Não deixe o samba morrer”

Este clássico da música brasileira, Não deixe o samba morrer, foi gravado em 1975 por Alcione. Ele representa a esperança de uma nova realidade e de não deixar esse sonho perecer apesar das dificuldades encontradas no caminho. É preciso levar essa postura em frente – e ela será ainda mais forte se fizermos isso juntas.

 

 

Resumindo, a mensagem final é, na verdade, um convite: #EAíTaPronta?