Home > CAUSAS AVON > Saiba o que rolou no Fórum Fale Sem Medo

Saiba o que rolou no Fórum Fale Sem Medo

O Fórum Fale Sem Medo reuniu nomes importantes na luta ao enfrentamento das violências contra às mulheres e estimulou o encorajamento coletivo. Vem saber mais:

O Fórum Fale Sem Medo, uma iniciativa do Instituto Avon e ONU Mulheres, aconteceu no dia 08 de Março e teve como tema “A voz das redes: o que elas podem fazer pelo enfrentamento das violências contra às mulheres”. O evento contou com a presença de nomes importantes no cenário de luta pelos direitos das mulheres e também apresentou os resultados de uma pesquisa inédita feita pelo Instituto Avon em parceria com a Folks Netnográfica.

A palavra da noite foi CORAGEM. Coragem para enfrentar, denunciar e entender que quem deve sentir vergonha é o agressor, não a vítima.
O Fórum teve início com a dupla que tem mais de 3 milhões de inscritos no canal do Youtube: Carol e Vitória. As cantoras fazem versões empoderadas para músicas machistas que denigrem mulheres e enaltecem a violência contra elas.

Na sequência, a mestre de cerimonia Adriana Couto, chamou ao palco o presidente da Avon no Brasil, Davi Legher, seguido por Eloisa Arruda, secretária de Direitos Humanos da Prefeitura de São Paulo e Daniela Grelin, diretora executiva do Instituto Avon. Daniela, também falou sobre celebrarmos a coragem, pois ela quem permite uma mudança coletiva.

Logo em seguida foi a vez de Paolla Oliveira falar. A atriz defendeu o uso da internet para espalharmos amor em resposta ao ódio que os agressores espalham.

instituto avon, fórum fale sem medo, paolla oliveira
As ativistas femininas também foram muito citadas no Fórum. Uma das pessoas que ressaltou a importância desse trabalho de luta foi Nadine Gasman, representante da ONU Mulheres.

Um dos momentos mais aguardados do evento foi a apresentação dos resultados da pesquisa inédita feita pelo Instituto Avon em parceria com a Folks Netnográfica. Renato Dolci e Débora Figueiredo apresentaram os resultados quantitativos e qualitativos. Um dos dados alarmantes que foi constatado nesse estudo foi que em 3 anos houve um crescimento de 126.000% de casos de violência nas redes sociais. Os preconceitos de raça, classe e gênero estão no topo da lista.

No evento, foram realizadas duas rodas de perguntas e respostas. A primeira foi formada por Mafoane Odara, coordenadora do Instituto Avon, Manoela Miklos, curadora do blog #AgoraÉQueSãoElas, Fernanda Cerávolo, diretora criativa do Youtube, Nadine Gasman e Renato Dolci. Sem dúvida, a parte mais emocionante do Fórum foi durante essa roda de conversa, com o depoimento de Ana Lúcia, uma vítima de abuso sexual que expôs sua história. Ele pediu para dar seu depoimento no Fórum e assim encorajar outras mulheres a denunciarem e não sofrerem caladas e sozinhas.

instituto avon, fórum fale sem medo, paolla oliveira
A modelo e embaixadora do Instituto Avon, Luiza Brunet, também estava presente e falou um pouco sobre sua experiência como vítima de agressão. Ela lembrou que o Brasil é o 5º país onde mais se agride mulheres em todo o mundo.

Na reta final do evento, Adam Kahane, diretor da Reos Partners, deu seu depoimento e em seguida integrou a segunda mesa, agora mediada por Daniela Grelin, diretora do Instituto Avon. Junto a Adam estavam Nátaly Neri, cientista social e fundadora do canal Afros e Afins, Karina Masson, da Fundação Maria Cecília Souto Vidigal e Gabriela Manssur, promotora do Ministério Público de São Paulo.
Para fechar a noite, a senadora Vanessa Grazziotin falou sobre o machismo na política, a dificuldade de aprovar leis a favor das mulheres e o triste número de apenas 10% dos parlamentares brasileiros serem do gênero feminino.

O Fórum Fale Sem Medo foi um estímulo para as mulheres soltarem sua voz, se unirem e encorajarem umas às outras no enfrentamento da violência que tanto nos assusta.

Quer ver o que rolou na íntegra? Clique aqui e confira o Fórum completo.

 

« 1 de 7 »